Filmes franceses na Biblioteca da ECA

Neste post apresentamos algumas sugestões de filmes franceses do acervo da Biblioteca.

Mon oncle (Meu tio). Direção de Jacques Tati. 1958

Comédia em que Hulot visita a irmã e o cunhado, um industrial novo-rico que, para ostentar seu status, adquire uma casa ultramoderna, com decoração futurista, desconfortável e ridícula. O sobrinho de Hulot sente mais simpatia pelo tio desajeitado e simples do que por seus pais. A partir dessa relação, Tati mostra uma série de conflitos de valores.

Localização: VC0022; VC0252; DVD0724; XDVD0185

Belle de jour (A bela da tarde). Direção de Luis Buñuel. 1967

Conta a história de Séverine (Catherine Deneuve), jovem e rica, que convive na superficial linha tênue que separa o amor da realização sexual. Pierre, seu marido, não encontra espaço para entender, em sua razão ou emoção, o intrincado dilema de sua jovem e bela esposa. Séverine procura, então, um discreto bordel, em que passa suas tardes como a prostituta Belle de Jour.

Localização: DVD3251 e XDVD76

Delicatessen (Delicatessen). Direção de Jean-Pierre Jeunet. 1990

Em futuro indefinido, numa cidade à beira do colapso, comida é artigo de luxo. Atendendo a um anúncio, ex-artista de circo torna-se pau pra toda obra em uma casa de cômodos administrada por um açougueiro. Seus moradores têm costumes estranhos, e as noites guardam segredos terríveis, inclusive nos esgotos subterrâneos, habitados por grupo terrorista.

Localização:        VC0532; XDVD0682

Cena do filme Delicatessen

Cena do filme Delicatessen

 

Peau d´âne (Pele de Asno). Direção de Jacques Demy.1970

Baseado em conto de Charles Perrault, “Pele de asno” leva o telespectador para as primeiras versões dos contos de fadas, com um enredo marcado pelo tema “incesto”. Era uma vez, em um reino próspero e distante, um rei que vivia com sua esposa e sua filha, a princesa. A felicidade da família é interrompida pela morte da rainha que, antes de morrer, pede que o rei jure que apenas irá se casar com uma mulher mais bela que ela. Em sua procura, o rei descobre que só há uma mulher que atende ao requisito: sua própria filha, a princesa. Confusa com o pedido de casamento feito pelo próprio pai, a princesa pede ajuda a sua fada madrinha, que sugere que ela faça exigências ao rei, com o intuito de adiar cada vez mais o casamento. Em meio às dúvidas com relação ao amor que sente pelo próprio pai, a princesa acaba fugindo do reino escondida sob uma pele de asno, passando a viver de forma simples em uma cabana. Até que, um dia, um príncipe nota sua beleza. A partir dai, o enredo desenrola-se para que vivam felizes até morrerem.

Localização:       DVD1659

Le mépris (O desprezo). Direção de Jean-Luc Godard. 1963

Drama baseado na obra homônima de Alberto Moravia. O cineasta alemão Fritz Lang filma em Cinecittà, Itália, uma adaptação de Odisséia de Homero, para um produtor americano. O roteirista francês Paul Javal é convidado a reescrever o roteiro e aceita por motivos econômico-financeiros, razão que o leva também a permitir que o produtor flerte com sua mulher, Camille.

Localização: VC0114; DVD1731

 

La lectrice (Uma leitora bem particular). Direção de Michel Deville. 1989

Baseado na obra de Jean Raymond, Michel Deville dirigiu “La lectrice” – “Uma leitora bem particular” – que leva o espectador às leituras vivenciadas por Constance. Ao ler o livro “La Lectrice” ela descobre que a heroína Marie, assim como ela, também gosta muito de ler. Inspirada pela personagem, Constance imagina-se na pele de Marie, que oferece seus serviços de leitora particular para aquelas pessoas que por alguma razão não o podem fazer. Apesar de estar ciente de que certas situações inesperadas poderiam acontecer, ela põe um anúncio no jornal e consegue seus primeiros clientes: o garoto Eric, que é paraplégico; uma velha viúva (quase cega) e adepta da teoria marxista; um empresário que sofre de ansiedade; uma menina de 6 anos e um juiz aposentado que gosta de Marquês de Sade. O livro e o filme misturam-se e os clientes de Constance/Marie se sentem seduzidos por ela, que estabelece um jogo que muitas vezes transcende o ato da leitura.

Localização XDVD1362 (SMM)

L’amant (O amante). Direção de Jean-Jacques Annaud. 1991

Baseado em obra de Marguerite Duras, o filme é ambientado no Vietnã da década de 1920, onde uma adolescente, filha de colonos franceses em dificuldades financeiras, envolve-se com um chinês rico e bem-sucedido, muito mais velho do que ela. Tudo começa a partir de uma carona que ele lhe oferece. A relação que surge entre os dois é alvo do forte preconceito da sociedade, que não aceita a diferença de idade existente entre eles, muito menos a de classes sociais.

Localização:        VC0606; VC1587

Cena do filme L'amant

Cena do filme L’amant

La bête (La bête). Direção de Walerian Borowczyc. 1975.

 Para assegurar a estabilidade de sua família disfuncional, Mathurin de l’Esperance é forçado a se casar com Lucy Broadhurst. Às vésperas do casamento, Lucy descobre o diário de Romilda, uma das ancestrais da família do marido. Começa, então, a reviver algumas das experiências contadas por Romilda, sonhando em ser perseguida e atacada por uma fera nos bosques, sem saber como essas histórias antigas afetariam sua vida no presente. Tradução da sinopse de David M. Brown, publicada no site Cinephilia.

Localização:        VC0640; XDVD0415

Além destes há diversos outros títulos no acervo. Para pesquisar por país de produção acesse http://www.eca.usp.br/biblioteca-bases/cena/search.htm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: